Estelionatários usam sites de venda de produtos usados para aplicar golpes em BH

De acordo com PM, o golpe envolvia três partes: um vendedor, um comprador e o estelionatário. Polícia acredita que os dois primeiros são enganados. Homem pagou R$ 7 mil por moto e não a recebeu Reprodução/TV Globo Estelionatários estão usando sites de venda de produtos usados, para aplicar golpes. Nesta segunda-feira (25), uma vítima de Belo Horizonte perdeu cerca de R$ 7 mil por causa de um anúncio clonado. De acordo com a Polícia Militar (PM), o golpe envolvia três partes: um vendedor, um comprador e o estelionatário. A PM acredita que os dois primeiros são enganados. A polícia informou que o estelionatário entra em contato com o vendedor com o anúncio real do que vai ser vendido acima do valor de mercado. Depois ele pega as informações desse produto e faz um anúncio falso com o valor abaixo de mercado. O golpista procura por um comprador interessado e mantém contato. Foi o que aconteceu com um homem interessado em comprar uma motocicleta. Pela compra ele perdeu quase R$ 7 mil. O comprador transferiu o dinheiro e o golpista desapareceu. A polícia disse que a conta para onde o dinheiro foi transferido é do Mato Grosso. O caso deve ser investigado.

Estelionatários usam sites de venda de produtos usados para aplicar golpes em BH

De acordo com PM, o golpe envolvia três partes: um vendedor, um comprador e o estelionatário. Polícia acredita que os dois primeiros são enganados. Homem pagou R$ 7 mil por moto e não a recebeu Reprodução/TV Globo Estelionatários estão usando sites de venda de produtos usados, para aplicar golpes. Nesta segunda-feira (25), uma vítima de Belo Horizonte perdeu cerca de R$ 7 mil por causa de um anúncio clonado. De acordo com a Polícia Militar (PM), o golpe envolvia três partes: um vendedor, um comprador e o estelionatário. A PM acredita que os dois primeiros são enganados. A polícia informou que o estelionatário entra em contato com o vendedor com o anúncio real do que vai ser vendido acima do valor de mercado. Depois ele pega as informações desse produto e faz um anúncio falso com o valor abaixo de mercado. O golpista procura por um comprador interessado e mantém contato. Foi o que aconteceu com um homem interessado em comprar uma motocicleta. Pela compra ele perdeu quase R$ 7 mil. O comprador transferiu o dinheiro e o golpista desapareceu. A polícia disse que a conta para onde o dinheiro foi transferido é do Mato Grosso. O caso deve ser investigado.